Atualidade

Reformulação de categorias alimentares permite reduzir mais de seis mil toneladas de açúcar em três anos

18 Fev. 2022

A Ordem dos Nutricionistas aplaude a indústria pela capacidade de reformulação dos alimentos e felicita a direção-geral da Saúde (DGS), em particular o Programa Nacional para a Alimentação Saudável, bem como o Instituto Nacional Dr. Ricardo Jorge (INSA), pelas conquistas alcançadas na redução de 11,5% do teor de sal e de 11,1% no teor açúcar nas categorias de alimentos previstas no compromisso, entre 2018 e 2021. Os resultados foram apresentados dia 15 de fevereiro e mostram que a reformulação das categorias de alimentos que fizeram parte dos acordos estabelecidos permitiu reduzir 25,6 toneladas de sal e 6256 toneladas de açúcar na alimentação dos portugueses. 

Newsletter

Histórias de Sucesso

Quando o peso afeta a autoestima
Prof. Doutor Armindo Ribeiro

Opinião

Deixar de fumar com ajuda médica permite maior controlo no aumento de peso
Dr.ª Paula Alves, nutricionista e diretora do Serviço de Nutrição e Alimentação do IPO do Porto