Histórias de Sucesso

Histórias de sucesso: o êxito não escolhe idade

15 maio 2020

O primeiro caso de sucesso que o My Obesidade partilha consigo diz respeito a uma doente com 65 anos, cujo índice de massa corporal era inicialmente de 34.1 kg/m2. O autor desta primeira história de sucesso é o Prof. Doutor José Silva Nunes, clínico no Hospital Curry Cabral, Lisboa. Leia o caso na íntegra.


Género: Feminino
Idade: 65 anos
Razão: Obesidade Classe I, acompanhada das seguintes comorbilidades: hipertensão arterial, dislipidemia, depressão, ansiedade e marcada limitação funcional por patologia osteoarticular degenerativa.

Dificuldades:

A perda de peso inicial, conseguida através desta abordagem multidisciplinar, permitiu uma maior mobilidade da doente. Por outro lado, associado a essa perda de peso e à terapêutica farmacológica, verificou-se uma atenuação do seu humor depressivo. Perda de peso e melhoria do humor tiveram, como consequência, uma melhoria significativa da qualidade de vida desta doente.

Resultados:

Tratava-se de uma senhora (ex-balconista, aposentada por invalidez) que, quando da primeira consulta (setembro de 2019), apresentava um IMC de 34.1 Kg/m2 (1.51 m de altura e 77.8 Kg de peso corporal), 41% de massa gorda (avaliada através de bioimpedância elétrica) e um perímetro abdominal de 93 cm. Iniciou intervenção multidisciplinar (nutricional, a implementação possível da atividade física e abordagem psicológica, complementada por terapêutica farmacológica antiobesidade). Referindo ter começado a perder peso (e volume) logo após o primeiro mês, foi reavaliada em janeiro de 2020, apresentando um IMC de 31.1 Kg/m2 (correspondente a 70.8 Kg de peso), 37% de massa gorda e perímetro abdominal de 89 cm.

A última consulta decorreu em abril de 2020, de forma não presencial (por telefone), com a doente reportando uma marcada melhoria da sua qualidade de vida e referindo apresentar, na sua balança, 63.6 Kg. Adicionalmente, apesar do confinamento relativo em que se encontrava (a doente vivia em moradia com pequeno jardim que agora a ocupava todas as tardes), reportava “estar muito melhor com a vida” (sic). Assumindo a veracidade do peso reportado e a fiabilidade da balança da doente, tal corresponderia a um IMC de 27.9 Kg/m2.

Newsletter

PUB

Agenda

Agenda News Farma

Histórias de Sucesso

Podcast My Obesidade

Opinião

Apoio

Grupo Medinfar


My Obesidade é um projeto editorial da responsabilidade da News Farma, possível com o apoio do Grupo Medinfar.